Como escolher um bom notebook de acordo com seu uso

jul 23, 2015 by

No artigo anterior falamos sobre como escolher um bom celular e apresentamos algumas boas opções para diversos casos de uso. Confira o artigo inteiro aqui: http://visualastrology.co.uk/como-escolher-um-bom-celular-dicas-valiosas/

Neste vamos falar um pouco sobre notebooks. A linha de pensamento é essencialmente a mesma, ou seja, como podemos escolher um notebook que seja ideal para nossa utilização e que não custe muito caro aos nossos bolsos?

Realmente essa é uma dúvida que a maior parte das pessoas, principalmente aqueles que não entendem ou entendem muito pouco sobre o assunto, possuem. Escolher um computador não é uma coisa fácil. Não é raro encontrarmos pessoas que acabaram pagando muito mais do que o produto vale e ainda achar que fez um bom negócio. Por isso resolvemos criar esse artigo para ajudar as pessoas. Vamos lá?

Como escolher um bom notebook

A marca importa?

Com certeza é importante ter uma boa noção de quais são as melhores marcas de notebook do mercado, para que não haja dúvida quanto a qualidade do produto comprado. Entretanto, não é essencialmente ela que fará que seu computador seja bom, e sim suas configurações de hardware, como processador, memória RAM, HD e tudo mais.

É interessante lembrar que apesar de haver algumas marcas que se destacam nesse mercado, elas não são a prova de falhas. Isso quer dizer que algum defeito pode acontecer, independente da qualidade da empresa. A intenção, no entanto, é ficar por dentro daquelas que possuem menor índice de problema em relação as outras para, então, diminuir os riscos na hora da aquisição.

Quero um notebook para jogos

Bom, há quem diga que um notebook não foi feito para jogar. Em contrapartida, já existem notebooks que são considerados “gamers” e que foram desenvolvidos exclusivamente para este fim. De fato, eles são excelentes e possuem desempenho de excelência quando o assunto é jogos pesados.

Há apenas dois “poréns” a serem considerados aqui: Um notebook gamer custa muito mais que um desktop feito para jogos. Você vai pagar, em média, no primeiro, em torno de 10 mil reais – estamos falando aqui de algo realmente muito bom. No segundo, o desktop, com as mesmas capacidades, e em alguns casos até melhores, o preço médio é de 5 mil reais. A discrepância é muito grande mesmo e isso é normal, mas o que tem que ser levado em consideração são suas necessidades e seu poder econômico. Quando o assunto é rodar jogos pesados, os dois cumprem perfeitamente este papel.

Quero um notebook para trabalhar

Aqui as opções e necessidades são ainda mais diversas. Há trabalhos mais leves como edição e produção de arquivos no office (word, powerpoint e etc) até edição e produção de vídeos – esse último exige um hardware mais robusto e capacitado.

Como eu sei que você já definiu um modelo de trabalho, vou apresentar os dois “extremos” para que ninguém fique de fora do pensamento.

Notebook para coisas leves

Para trabalhos leves – Internet, office e etc.

Um notebook com processador i3 já deve cumprir sem restrições tudo o que você precisa. Claro que o processador não é a única coisa importante a ser olhada em um computador, mas ele reflete a capacidade e a velocidade do mesmo. Logo, temos que prestar bem atenção nele.

Para memória RAM, algo em torno de 4GB está de ótimo tamanho para as atividades que serão desenvolvidas. Além disso, temos que pensar no HD. Algo em torno de 500GB de HD seria perfeitamente plausível para você.

Para trabalhos pesados como edição de vídeos

Aqui é preciso ter um notebook com as melhores qualificações, como por exemplo um processador i7.

A memória RAM não pode ser menos que 8GB, pois somente dessa forma conseguirá aguentar os processos simultâneos do seu trabalho. Um HD de 500GB ainda daria conta do seu serviço, mas se quiser algo melhor, prefira um de 1Tb (equivalente a dois de 500GB).

Se restou qualquer dúvida, deixe um comentário ou fale com a gente.

read more

Related Posts

Tags

Share This